A DIVERSIDADE DA FORÇA DE TRABALHO: A MULHER E A EXPLORAÇÃO DA FORÇA DE TRABALHO NO SETOR DE MODA

Autores

  • Tanielly Carla Pereira
  • Thiago Silva Prado
  • Paula Piva Linke

Palavras-chave:

Força de Trabalho. Mulheres. Produção.

Resumo

O objetivo deste trabalho é compreender a presença da mulher na indústria da moda
e a exploração da força de trabalho. Essa temática mostra-se relevante devido ao
fato de que o setor de produção do vestuário é responsável por boa parte das
denúncias relacionadas ao trabalho análogo a escravidão. Para o desenvolvimento
desta pesquisa, optou-se pela abordagem qualitativa, utilizando o método de
pesquisa bibliográfico, buscando relacionar o trabalho feminino ao setor de
confecção e exploração do trabalhador. Apesar da legislação brasileira ser
considerada avançada no combate a exploração do trabalho, existem lacunas e
situações que se proliferam face aos abusos e situações de trabalho que ferem os
direitos humanos. No setor de produção de vestuário a mulher é empregada com
maior frequência na parte de corte e costura, considerada sua atividade nata.
Infelizmente o trabalho análogo a escravidão no setor de confecção do vestuário é
uma realidade marcante em grandes centros produtivos e envolve mulheres de
todas as idades e de diferentes nacionalidades, especialmente estrangeiras.

Downloads

Publicado

01-11-2021

Como Citar

Pereira, T. C., Silva Prado, T., & Piva Linke, P. (2021). A DIVERSIDADE DA FORÇA DE TRABALHO: A MULHER E A EXPLORAÇÃO DA FORÇA DE TRABALHO NO SETOR DE MODA. Revista Unifamma, 20(1). Recuperado de http://revista.famma.br/index.php/ru/article/view/125